quinta-feira, 22 de julho de 2010

CORAGEM NAS ESCOLHAS

Numa terra em guerra havia um rei que causava espanto. 

Cada vez que fazia prisioneiros, não os matava, levava-os a uma sala, que tinha um grupo de arqueiros em um canto e uma imensa porta de ferro do outro, a qual haviam gravadas figuras de caveiras.

Nesta sala, ele os fazia ficar em círculo, e então dizia:

- Vocês podem escolher: morrer flechados por meus arqueiros ou passar por aquela porta e por mim e lá serem trancados.

Todos os que por ali passaram, escolhiam serem mortos pelos arqueiros.

Ao término da guerra, um soldado que por muito tempo servira o rei, disse-lhe:

- Senhor, posso lhe fazer uma pergunta?

- Diga, soldado.

- O que havia por de trás da assustadora porta?

- Vá e veja.

O soldado, então, a abre vagarosamente, e percebe que, à medida que o faz, raios de sol vão adentrando e clareando o ambiente até que totalmente aberta.

Nota também que a porta levava a um caminho coberto de flores, que sairia rumo à liberdade.

O soldado admirado apenas olhou para seu rei, que diz:

- Eu dava a eles a escolha, mas preferiram morrer a arriscar abrir esta porta.

Quantas portas deixamos de abrir em nossas vidas pelo medo de arriscar?

Quantas vezes perdemos a liberdade, apenas pelo medo de abrir outras portas?

Quem sabe, se a partir de agora, sendo mais corajosos nesta vida, poderemos
abrir aquela porta que nos mostrará o lindo caminho da realização dos nossos mais antigos sonhos?

Deus nos abençoe

Simplesmente Anderson Bravo

2014 "o Que Deus tem ninguém tem; e o que Deus tem vem para minha mão"

2014 "o Que Deus tem ninguém tem; e o que Deus tem vem para minha mão"

Anderson & Lyon

Anderson & Lyon